segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

A Ti Pede

Boa madrugada,

Há muito tempo que por aqui não apareço, mas isto não significa que me esqueci daqueles que aqui sempre visitam. Peço desculpas pela ausência, mas a vida tem me cobrado uma maior presença, sendo assim hoje resolvi mexer no meu baú e encontrei este primeiro poema... Não tão bom ou louvável, mas foi um caminhar para o que sou hoje e espero um dia ser melhor do que me sinto agora. Espero que apreciem.










A Ti Pede




Meu coração, minha alma a ti já estão entrelaçados,
Hoje é meu corpo que ti reclama,
Corpo este que a ti chama.
O sol do dia já não aquece meu corpo
Como tua pele  faria
O vazio que sinto em meu centro
Não se acalma sem tua presença.
Então hoje é meu corpo que quer se entrelaçar ao teu,
É meu corpo que chora pelo teu,
Que pelos seus beijos suplicam,
A quem tuas mãos chamam.
O desejo está tão dolorido que nada o acalma,
Minhas mãos quase nada podem
Diante do seu toque,
O calor da minha alma, o bater do meu coração
Por ti já são cuidados só falta meu corpo por ti ser amado.







1 comentários:

Rhagetuhttor Mish disse...

lindo mi pequeña
escreve lindamente
parabéns
nallum

Postar um comentário